que nem mocinha - testamos - the big g 1
Nossa Opinião,  Sexo

Testamos! Vibrador The Big G

Estamos terminando o ano como? Cheias da moral! A sexshop Dona Coelha entrou em contato com a gente com uma proposta intrigante e não tínhamos como negar. Iríamos receber um produto, mas não sabíamos qual. A expectativa foi grande e foi super correspondida. Recebemos o vibrador rabbit anatômico The Big G. Nome bastante sugestivo! Com suas dez velocidades de vibração, ele promete grandes orgasmos ao combinar estímulos no clitóris e ponto G feminino.

Sobre o The Big G

O nome adianta o tamanho do vibrador: ele tem 20,5 cm de comprimento, sendo que 8,5 cm são penetráveis, e aproximadamente 3,5 cm de diâmetro. O estimulador de clitóris mede 6 cm de comprimento e 2,5 cm de diâmetro (também aproximadamente). Por incrível que pareça, não foram as medidas que mais chamaram minha atenção e sim a cor. Rosa choque, gente! Achei lindo. Entendo que, para algumas mocinhas, a descrição é essencial. Mas, para quem puder aproveitar, recomendo se jogar nos brinquedos eróticos coloridos. Eles são uma graça.

que nem mocinha - testamos - the big g 1

The Big G tem dez velocidades de vibração e garante orgasmos graças a sua estimulação combinada no clítoris e no ponto G feminino. Como é à prova d’água, você pode aproveitar de diversas maneiras. Uma das suas vantagens é que ele é produzido em silicone de alta qualidade, totalmente atóxico e seguro para o corpo. Outro destaque da embalagem é que o produto tem “toque super macio e aveludado”.

Nossa opinião

Além da cor, que é lindimais, o que me chamou bastante a atenção foi o silicone. Realmente ele é muito macio e aveludado, gostoso de passar a mão (e outras partes também). Isso é bem bacana, porque nem todo produto tem essa consideração. Fora o design que é muito bonito também. Sei que estou enfatizando nesse aspecto que não é importante para muitas mocinhas, mas eu acho legal apontar. Mostra que a indústria erótica está investimento em produtos mais sofisticados, mais bonitos e discretos.

Agora vamos ao que vocês querem saber: The Big G é bom? SIM, é! No início eu fiquei meio receosa de usar, meio perdida, porque foi minha primeira experiência com um vibrador rabbit. Sou fã mesmo é dos estimuladores de clitóris, tipo o meu queridinho Satisfyer. Mas lá fui eu testar, afinal, o que eu não faço por vocês?

que nem mocinha - resenha the big g

O vibrador é bem potente, disso não tenham dúvidas. Entre as 10 velocidades disponíveis, alguma com certeza vai te agradar. É excelente para quem quer ter muito prazer, seja sozinha ou a dois/duas. Não demora muito para ele entregar o que promete: bons orgasmos, daqueles que dar câimbra e tudo. No entanto, eu não acho que é o produto ideal para quem está começando: seu tamanho e multifunções podem assustar as iniciantes. Agora, se você já manja um pouco mais, vai que é tua!

que nem mocinha - testamos - the big g 2

Informações e recomendações

Gostou e quer ter um para você? Super recomendo! Como eu disse logo no início do texto, você pode comprar o seu na Dona Coelha. São necessárias duas pilhas AAA para ele funcionar, que não são inclusas. #FicaDica: O uso do lubrificante antes da penetração aumenta a vida útil do produto, bem como o uso de camisinhas. Se vocês compartilhar o The Big G com outras pessoas, o preservativo é essencial, até mesmo para evitar DSTs.

Como o produto é à prova d’água, lave com água corrente e sabão neutro. Deixe secar naturalmente a sombra e não use panos e papéis. Secador de cabelo para dar aquela agilizada está fora de cogitação, ok? Senão vai estragar o vibrador!

Thayanne Porto

Jornalista de coração, alma e diploma, encontrou nas palavras o melhor modo de se expressar. Feminista em eterna construção. Apaixonada por livros, séries, drag queens e sua gata Julietta. Acredita que a revolução pode (e deve!) acontecer de dentro para fora - e por que não dentro de quatro paredes? Quer mandar um e-mail? Escreva para thayanne@quenemmocinha.com

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *