Dupla penetração não precisa doer e pode ser muito bom!

Um fetiche bastante comum mas pouco discutido é a dupla penetração, em que a mulher é penetrada pela vagina e ânus ao mesmo tempo. É bem comum nos filmes pornôs, que passam a sensação de que é tudo muito fácil e lindo. Spoiler alert: não é. Fazer DP requer tempo e paciência. Mas também não é muito difícil e nem precisa ser doloroso; ao contrário, pode ser uma experiência bastante prazerosa. Quer saber como? Então continua lendo. 

Escolha quem (ou o que) vai participar da brincadeira

Ao contrário do que muitas pessoas pensam (e o que os pornôs da vida mostram), você não precisa de dois homens para fazer uma dupla penetração; se quiser, pode fazer até mesmo sozinha. A DP pode rolar com você e brinquedos próprios para isso, você com seu parceiro ou parceira + um brinquedo, ou você + duas pessoas. Escolha o que te deixa mais confortável, minha única recomendação é você testar sozinha ou com uma pessoa antes de ir para o “modo difícil”, que é com outras duas pessoas. Assim, você entende seu ritmo e quais são as melhores posições, o que encaixa bem e quais serão suas necessidades na hora H.

Se você optar pelos brinquedos, fique bem atenta ao material. Existem vários produtos específicos para isso e eu sugiro que vocês optem pelos que são feitos de silicone. O material é mais suave, apresenta pouca restrição (lembrem-se sempre de ler a caixa antes de usar!) e trabalha muito bem com lubrificantes. Se você nunca viu um plug anal, vá até um sexshop. Assim, você vai saber o que esperar e vai ter uma noção melhor dos diferentes modelos e tamanhos, para então comprar o que melhor funciona para você. Nunca foi em um sexshop? Confira nossas dicas aqui.

Uma palavrinha para vocês: LUBRIFICANTE!

SE JOGUEM NO LUBRIFICANTE, principalmente na hora do sexo anal. Ao contrário da vagina, o ânus não tem lubrificação própria. Sem ela, fica muito mais difícil colocar qualquer coisa na parte de trás e a dor que vocês vão sentir pode fazer com que vocês desistam.

que nem mocinha - dupla penetração

É tipo isso

Dê preferência para aqueles à base de água e fuja do óleo de coco, que caiu no gosto de muitas meninas pelas suas mil e uma utilidades. Na hora do sexo, ele reage com o látex da camisinha, podendo rasgar o material. Também corra dos géis anestésicos, que dizem que você não vai sentir dor nenhuma na hora. Sim, a promessa é incrível, mas não se deixe enganar: ele funciona como uma injeção anestésica local e retira a sensibilidade; então, se você se machucar durante o ato, não vai sentir e essas feridas podem inflamar com o passar do tempo.

Uma coisa de cada vez

Vamos com calma, tá bem? Dupla penetração não significa fazer tudo ao mesmo tempo. Para conseguir a dilatação necessária e um prazer ainda maior é recomendável que você penetre um orifício por vez, começando pela vagina. Enquanto isso, estimule o clitóris (falamos sobre ele no próximo tópico), o que vai te ajudar a ficar mais excitada. Tá de boas? Então pare e parta para o sexo anal (se quiser dicas, leia esse post aqui), para dilatar a região e, assim, preparar seu corpinho para a dupla penetração.

Eu falo muito sério quando digo para vocês irem com calma. A experiência pode ser bastante prazerosa, mas isso não vai acontecer se vocês estiverem correndo. Se não for com delicadeza, devagarzinho, você pode sentir muita dor e ter a sensação oposta da desejada. Se você optar por fazer com duas pessoas, a primeira penetração deve ser feita por quem está por baixo; depois que ele ou ela estiver devidamente acomodado, a pessoa de cima pode entrar na brincadeira.

que nem mocinha - dupla penetração - gif

Foca no clitóris

O clitóris é o melhor amigo da mulher, é o única parte do corpo humano que é totalmente voltada para o prazer. Ele está ali para te fazer feliz – e você deve aproveitar isso ao máximo. Só tenha cuidado: masturbação muito violenta e o uso indiscriminado de vibradores pode diminuir a sensibilidade do clitóris, dificultando o prazer e o orgasmo.

Por que eu estou falando do clitóris em um post sobre dupla penetração? Muito simples, mocinha. É normal ficar tensa na hora da DP e um bom estímulo nessa região pode te deixar bem mais tranquila. Existem vibradores feitos especialmente para o clitóris (nós fizemos uma matéria sobre os cinco modelos mais comuns aqui), que são menores e não atrapalham a penetração. Clitóris estimulado = maiores níveis de excitação. Dessa forma, você fica mais relaxa e mais lubrificada, o que facilita a entrada do pênis.

Relaxa e…

O resto vocês já sabem. Sei que a ideia assusta muitas mocinhas, mas algumas têm essa fantasia – então por que não colocá-las em prática? Fazendo tudo com calma, com bastante lubrificante à disposição, são poucas as chances das coisas darem errado. Eu realmente sugiro vocês comprarem vibradores duplos, para já terem noção de como vai ser antes de experimentarem com uma ou duas pessoas. Não vou mentir: na maioria das vezes, não é fácil e dificilmente vai ser super mega prazeroso de primeira. Mas, se vocês quiserem de verdade, o segredo é continuar tentando.

E aí, mocinhas? O que acharam dessas dicas? Fariam dupla penetração ou nem mortas? Contem para a gente nos comentários! 

Deixe uma resposta