Despedida de solteira: como planejar uma inesquecível

Maio é o mês das noivas. Muitos portais investem em conteúdos temáticos, como os diferentes tipos de vestidos, a diferença de off-white para branco e como calcular o número de bebida e comida. Aqui no Que Nem Mocinha nós também vamos falar sobre casamento, mas de um jeito um tanto quanto diferente. Depois de darmos dicas para fazer um Chá de Lingerie de arrasar, chegou a hora de falarmos de outro evento: a despedida de solteira. Para entendermos mais como funciona, conversamos com o pessoal do Clube do Batom, um espaço de entretenimento feminino em Botafogo (RJ).

Tchau, vida de solteira!

Nós costumamos associar a palavra “despedida” a momentos tristes – mas não é o que acontece nesse tipo de evento. Pelo contrário: se prepare para rir e se divertir muito, na companhia das suas amigas e parentes mais próximas. É um “marco” na vida da noiva, que dá “tchau” para a vida de solteira antes de se jogar nessa louca aventura que é o casamento.

que nem mocinha - despedida de solteira

Pensar nesse evento pode ser uma tarefa da noiva, das madrinhas ou de ambas as partes. A futura esposa diz o que não pode faltar e os seus limites, e as madrinhas botam a mão na massa e começam a organizar tudo. Antes, porém, é uma boa ideia conversar com seu parceiro ou parceira para saber se ele ou ela está de boas com essa situação, em especial se envolver shows de strippers. Não estou falando para ninguém pedir a autorização de ninguém, mas é bom dar aquele aviso antes para evitar discussões no futuro.

Como organizar uma despedida de solteira

O primeiro passo é decidir qual vai ser o tipo de evento: uma despedida, Chá de Lingerie ou os dois. Um Chá de Lingerie (que já falamos sobre aqui) é uma despedida de solteira, mas nem toda despedida é um Chá de Lingerie. “No Chá, há uma convenção que a noiva será presenteada com lingeries e artigos sensuais para apimentar o relacionamento pós-casamento”, afirma o pessoal do Clube do Batom.

Já resolveram como vai ser? Então bora para os próximos passos:

Quem convidar: Antes de chamar todo mundo para o evento, pergunte para a noiva quem ela gostaria de convidar e quem ela não gostaria de convidar. O ideal é que haja um elo de intimidade e confiança entre as pessoas. Ou seja, sabe a namorada de um dos padrinhos que mal comparece aos eventos? Melhor deixar ela de fora. Agora, se a sogra for mega divertida e mente aberta, por que não incluí-la na lista de convidadas?

Definir uma data: Uma das partes mais difíceis na hora de organizar qualquer evento. Afinal, é complicado considerar a disponibilidade de um grupo que varia entre 10 a 30 mulheres. O Clube do Batom recomenda que a organização da despedida comece com pelo menos três meses de antecedência: “Fatalidades acontecem e se deixar para cima da hora, possivelmente não será uma data boa para grande parte do grupo ou para a própria noiva”. Ah, e sabe aqueles filmes americanos em que a despedida é sempre na véspera do casório? Aquilo só acontece mesmo em filme. Escolha datas que antecedem em pelo menos 20 dias a cerimônia, ok?

Evento para todos os gostos e estilos

Deu “check” na lista de convidadas e na data? Então agora chegou a hora de organizar a festa. Você pode fazer isso por conta própria ou buscar uma empresa especializada. Por exemplo, no Clube do Batom é oferecido um espaço exclusivo, atrações temáticas a serem escolhidas e decoração. O evento pode acontecer em um ambiente intimista (para até 20 pessoas) ou em um espaço maior com palco, estrutura de boate e DJ. Em todos os eventos eles oferecem uma palestra sobre sexualidade, prazer e relacionamento, com demonstração de produtos sensuais. Se as madrinhas tiverem um espaço próprio para realizar a despedida, elas podem contratar o serviço de entretenimento do Clube à domicílio.

Agora, se vocês quiserem fazer por conta própria, não tem problema! É só achar um espaço e decorar da forma que quiser ou levar a noiva para dar um passeio. Lembrem-se que ela é quem manda: se ela for tímida, procurem fazer eventos mais intimistas, como um brunch entre as amigas ou uma viagem de fim de semana.

que nem mocinha - despedida de solteira

Noite das meninas!

Se ela for mais ousada, por que não investir em um clube de stripper, no maior estilo Magic Mike? Só tomem bastante cuidado se vocês forem contratar alguém ao invés de irem em um clube especializado nesse tipo de “serviço”, digamos assim. Procure referências do profissional (ou da profissional) para não acabarem frustradas. Ah, e se vocês derem a sorte de encontrar um Channing Tatum por aí, não deixem de me chamar!

que nem mocinha - despedida de solteira

E aí, meninas, se animaram? Se vocês morarem no Rio e quiserem ter um gostinho de como funciona um evento desses, tentem ir no Happy Hour do Clube do Batom! Acontece em quintas selecionadas e é totalmente dedicado ao público feminino. Tem drag queens, DJ, shows de strippers… Nós vamos dar um pulinho lá esse mês, quem sabe a gente não se encontra? Em maio, o Happy Hour acontece nos dias 11, 18 e 25. Em junho, rola nos dias 8, 15 e 22. Se você for noiva e levar cinco amigas, você ganha VIP. Se levar 12, ganha um espumante 😉 Ah, o ingresso custa R$ 50 por pessoa, ok? 

Deixe uma resposta