Oito filmes sensuais e eróticos no Netflix

Sim, século 21 e ainda temos mocinhas com vergonha de usar o famoso PornTube, ou qualquer canal online de filmes pornôs. Temos também, é claro, aqueles clássicos da TV por assinatura que trazem filmes e séries ótimas.

Algumas leitoras podem sentir vergonha, medo ou acham “too much” ligar a TV ou o computador para assistir pornô. Sem problema! Sabe aquele famoso serviço que todas amamos, chamado Netflix? Ele esconde maravilhas – e o aplicativo para celular pode ser uma mão na roda e você assiste de qualquer lugar. #ficaadica

Então prepara a pipoca, o refrigerante e o vibrador que nós vamos listar oito filmes sensuais, eróticos e/ou light porn para dar aquela apimentada na sua noite.

Ninfomaníaca – Volumes I e II

que nem mocinha - filmes no netflix - pimentas 1

Como o nome já diz, Ninfomaníaca é um filme que fala sobre sexo da maneira mais explícita possível. O diretor dinamarquês Lars Von Trier dividiu em duas partes este drama sobre uma jovem que, desde a adolescência, tinha um desejo fora do normal por sexo. Importante ressaltar que ninfomaníaca é um filme que fala de um distúrbio, então algumas cenas são realmente chocantes.  O Netflix disponibiliza os dois primeiros filmes e lá vemos cenas de sexo, masturbação, sadomasoquismo e outras técnicas comuns ao dia a dia de um ninfomaníaco.

Shame

que nem mocinha - filmes no netflix - pimentas 2

O filme de 2011 traz Michael Fassbender (em cenas de nudez frontal) interpretando um executivo viciado em sexo. Seu personagem, Brandon, é um homem sem sentimentos, apático, de 30 e poucos anos, bem-sucedido e muito solitário, que não pensa em manter um relacionamento com ninguém. Sua vida se resume à busca do prazer sexual a todo instante e o filme traz sexo explícito além de muito nu do ator.

 

Teacher

que nem mocinha - filmes no netflix - pimentas

Com um tema bem polêmico, o filme traz a relação sexual entre uma professora e seu aluno. Mesmo sabendo dos riscos da relação, os dois se entregam a atração que vai se tornando cada vez mais ardente e obsessiva ao longo do filme. Sim, o tema é polêmico e mexe muito com o fetiche professora e tal.

 

Jovem Aloucada

que nem mocinha - filmes no netflix - pimentas 1

Saindo do contexto Hollywood, temos o filme Jovem Aloucada. O drama é chileno e traz a história de uma garota de 17 anos criada em uma família  evangélica super rigorosa. No auge da adolescência, a jovem começa a se envolver em diversas aventuras sexuais e depois compartilha tudo em um blog, relatando seus desejos e frustrações mais íntimos (vibe meio Bruna Surfistinha). O filme tem um final mais contemplativo, mas as cenas são bem apimentadas.

Cinquenta Tons de Cinza

que nem mocinha - filmes no netflix - pimentas 1

Lutei muito para colocar esse filme na lista, pois acho o “”pornô”” mais água com açúcar da vida. Sério, não molha nem a calcinha. Mas há mulheres que sentem excitação com homens como Christian Grey e acham o filme bom para dar uma aquecida. Quando vi no cinema, vi mulheres fazendo altos comentários no banheiro depois. Então, lá vai. O filme pode dar  uma aquecida, porque apimentar já é demais tá?

Leia também: BDSM: Muito além de 50 Tons de Cinza

Bruna Surfistinha

que nem mocinha - filmes no netflix - pimentas 1

O filme conta a história da garota de programa que abandona sua família adotiva para se tornar uma prostituta de luxo em São Paulo e documenta toda sua nova vida em um blog popular. Ela ficou conhecida pela frase “Hoje eu não vou dar, vou distribuir”, que virou até música. Tem uma vibe mais documentário, com foco na história de vida dela.

Vale do Pecado

que nem mocinha - filmes no netflix - pimentas 1

A sinopse do filme é muito clara: o ator James Deen, famoso ator pornô (e que foi acusado de estupro), interpreta um diretor de cinema que inicia um relacionamento com a jovem Tara, uma ex-modelo de renome, interpretada pela Lindsay Lohan. Eles passam a viver uma vida sem regras na qual ele explora seu prazer mais íntimo: ver Tara transando com outros homens. Um assunto bem polêmico também, afinal, muitos homens possuem esse fetiche de ver as namoradas e esposas transando com outros.

Paraísos Artificiais

que nem mocinha - filmes no netflix - pimentas 1

Mais um brazuca para a lista! Érika, interpretada por Nathalia Dill, é uma DJ em ascensão que vai a um festival de música eletrônica no Nordeste junto com sua amiga Lara (Lívia de Bueno). No meio do filme, as duas vivem momentos intensos que ficam ainda mais apimentados com a chegada de Nando (Luca Bianchi). Juntos, os três experimentam todos os tipos de relações, então se preparem para ver cenas de sexo a três e entre pessoas do mesmo sexo.

Leia também: 4 livros para esquentar (ainda mais!) seu verão

Extras

Agora, se você não tem muita paciência para filme ou gosta mesmo é de um seriado, relaxe! A Netflix tem uns títulos bem bacanas de comédia ou romance com sexo e pegação.

Californication: Histórias sobre viciados em sexo nunca são chatas, certo? É sexo pra lá, pra cá, pra cima, pra baixo, uma maravilha. A série, que tem sete temporadas!, é focada em Hank, um escritor que não se deu bem na carreira e que é viciado em sexo e bebida.

The Client List: Com Jennifer Love Hewitt no papel de Riley Parks, uma dona de casa que começa a trabalhar em um SPA após ser abandonada pelo marido. Porém, ela não demora muito para perceber que algumas das suas novas colegas de trabalham oferecem bem mais do que simples massagens… A série, cancelada depois de duas temporadas, é bem água com açúcar, não vou mentir, mas algumas mocinhas podem começar por ai.

Easy: Original da Netflix, traz situações cotidianas e puxa um pouco pro drama. Então por que está nessa lista? Por causa do sexto episódio (“Utopia”), que tem uma cena INCRÍVEL de ménage com Orlando Bloom, Malin Åkerman, e Kate Micucci.

É isso, mocinhas. Só dar o play e partir para o abraço… Ou para o orgasmo! 😉

Deixe uma resposta